sexta-feira, 28 de maio de 2010

Entre tapas e beijos

- Não adiantou fugir a festa inteira, não é?

Essa é a primeira fala de uma cena que ficamos de preparar como lição de casa para a próxima aula de improvisação, pois o professor precisou se ausentar nessa semana.

Eduardo encontra Nina numa festa de reencontro da turma de não sei qual ano. Ele é casado, ela não. Eles se evitaram boa parte da festa, mas acabam tendo esse diálogo a sós, fazem um brinde e se beijam, a esposa chega na hora e dá um escândalo.

A sala foi separada em trios com duas meninas e um menino cada para montar a sena com a cobra [/sasha no twitter] cena.

E, como já disse, tem o beijo. A rubrica descreve como um encostar de lábios, nada demais, pelo menos é assim que eu vejo. Não tive dificuldade para ensaiar, ninguém pareceu ter. E fizemos um ensaio coletivo ontem onde cada trio ia ensaiando no frente do resto da sala, pra irmos nos ajudando. Você já precisou beijar um colega de sala para conseguir cumprir uma tarefa pedida por um professor?

 Vou beijar muuuuuuuito

2 comentários:

  1. Hahhaahhaha... Boa heim!!!
    No meu caso o beijo foi pra provar outras coisa... na frente da sala toda!!!! Huahuauhahua... #Adoro!!! [Mania de twitter é usar a tg # em qlqr lugar!!!

    ResponderExcluir

Atormenta aí!